Instituto Virada Sustentável e PNUD firmam parceria para disseminar a Agenda 2030

6/jun/2017

Edições da Virada Sustentável serão baseadas nos 17 ODS para fortalecer o engajamento local e promover a Agenda 2030.

Promover ações integradas no âmbito local para fortalecer a implementação da Agenda 2030 e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Com essa proposta, o Instituto Virada Sustentável e o PNUD assinaram, no início de junho, um Memorando de Entendimento entre as instituições. Com a parceria, as edições da Virada Sustentável terão o apoio do PNUD para mapear ações que dialogam com os ODS e fortalecem o alcance do desenvolvimento sustentável, com foco na erradicação da pobreza, no crescimento econômico e na sustentabilidade do planeta.

Para as edições de 2017 da Virada Sustentável, estão previstas ações de capacitação sobre os ODS, mapeamento da Agenda 2030 nos eventos e apoio em atividades que envolvam a divulgação do tema. O objetivo é promover a ação social colaborativa com diferentes setores da sociedade para garantir o alcance do desenvolvimento sustentável no país.

“A Virada Sustentável sempre defendeu uma visão integrada de sustentabilidade, que engloba mas não se restringe aos temas ambientais. Os ODS são hoje a agenda global mais representativa dessa visão, para a construção de um planeta mais justo até 2030. E ações locais colaboram diretamente com esse propósito. Por isso, a parceria com o PNUD é fundamental para avançarmos nesse debate”, afirmou o diretor-executivo do Instituto Virada Sustentável, André Palhano.

A primeira ação será a projeção dos ícones dos ODS no Cristo Redentor, na próxima quarta-feira (8), na cidade do Rio de Janeiro. A ação dará início à Virada Sustentável do Rio de Janeiro (RJ). Entre os dias 9 e 11 deste mês, diversas ações em diferentes pontos da cidade discutirão ações locais de promoção da sustentabilidade.

“Só teremos o alcance da Agenda 2030 com ações coordenadas que dialoguem diretamente com as necessidades locais. A Virada Sustentável, que reúne representantes da sociedade civil, governos, setor privado, academia e mídia, é uma grande aliada para discutirmos com a sociedade, de forma prática e direta, quais as reais necessidades para erradicarmos a probreza, promovermos o crescimento econômico e garantirmos a sustentabilidade do planeta”, diz o assessor sênior do PNUD Brasil, Haroldo Machado Filho.

Além da edição do Rio de Janeiro, as cidades de São Paulo (SP), Campinas (SP), Manaus (AM), Salvador (BA) e Sinop (MT) também receberão edições da Virada Sustentável neste ano.

Para conferir a programação completa da Virada Sustentável na cidade do Rio de Janeiro, acesse: https://www.viradasustentavel.org.br/. Mais informações sobre a Agenda 2030 podem ser acessadas na plataforma www.agenda2030.org.br.