undp-br-seminario-inovacao-social-2018
Foto: Natália Souza/ PNUD Brasil

Intercâmbio de experiências, estratégias e práticas de inovação social no âmbito das políticas públicas, no Brasil e no exterior, com foco no alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) é a proposta do Seminário Internacional de Inovação Social em Políticas Públicas, que se realiza hoje e amanhã (8) em Brasília.

O PNUD, além de dar apoio institucional, participa do evento com estande montado no local, o Instituto Serzedello Corrêa, a Escola Superior do Tribunal de Contas da União (TCU), e participou da sessão solene de abertura nesta quarta-feira.

O coordenador residente da ONU e representante do PNUD no Brasil, Niky Fabiancic, participou da abertura do evento, onde foram apresentados os desafios de governança do governo atual e a sua relação com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

O ministro do TCU Augusto Nardes destacou a importância de um planejamento estratégico eficiente para melhorar a governança do país e direcionar as atividades para cumprir os ODS até 2030. Para ele, é necessário monitorar as ações do governo para compreender os desafios de um desenvolvimento sustentável.

O ministro de Estado Chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun, ressaltou a necessidade de propostas e ideias que possam se transformar em ações e auxiliem no desenvolvimento de boas práticas governamentais.

A palestra de abertura, “Estratégias e Práticas de Inovação Social”, foi do especialista sênior em Ciência e Tecnologia na Divisão de Competitividade e Inovação do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Carlos Guaipatín.

O evento está dividido em três painéis, com os temas “Contextualizando a Inovação no Mundo e no Brasil”, “Tendências Globais da Inovação Social”  e “Tendências Nacionais da Inovação Social”. Além disso, haverá 3 mesas redondas para debater casos de Inovação Social nas Politicas Sociais, Inovação Social para Educação de Qualidade, Trabalho Decente e  Crescimento Econômico Inclusivo e Inovação Social e Desenvolvimento  Territoriais.

Nesses dois dias de seminário, especialistas apresentarão casos relevantes de inovação social e tendências globais e nacionais. Gerente de Parcerias para o Setor Privado do PNUD, Luciana Aguiar participa hoje do painel “Tendências globais da inovação social”, e a oficial para territorialização dos ODS no PNUD, Ieva Lazareviciute, fala hoje sobre a experiência do PNUD no apoio à implementação dos ODS em estados e municípios brasileiros. O projeto Bem Diverso, do PNUD em parceria com a Embrapa, também tem estande no local do evento.

PNUD PNUD no mundo

Você está em PNUD Brasil 
Ir a PNUD Global

A

A ex-República jugoslava da Macedônia Afeganistão

Á

África do Sul

A

Albânia Angola Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Azerbaijão

B

Bahrein Bangladesh Barbados Belize Benim Bielorrússia Bolívia Bósnia e Herzegovina Botsuana Brasil Burkina Faso Burundi Butão

C

Cabo Verde Camarões Camboja Casaquistão Chade Chile China Chipre Colômbia Comores Costa do Marfim Costa Rica Croácia Cuba

D

Djibouti

E

Egito El Salvador Emirados Árabes Unidos Equador Eritréia Escritório do Pacífico Etiópia

F

Federação Russa Filipinas

G

Gabão Gâmbia Gana Geórgia Guatemala Guiana Guiné Guiné-Bissau Guiné Equatorial

H

Haiti Honduras

I

Iêmen Ilhas Maurício e Seychelles

Í

Índia

I

Indonésia Irã

J

Jamaica Jordânia

K

Kosovo Kuwait

L

Lesoto Líbano Libéria Líbia

M

Madagascar Malásia Malauí Maldivas Mali Marrocos Mauritânia México Moçambique Moldova Mongólia Montenegro Myanmar

N

Namíbia Nepal Nicarágua Níger Nigéria

P

Panamá Papua Nova Guiné Paquistão Paraguai PDR do Laos Peru Programa de Assistência ao Povo Palestino

Q

Quênia Quirguistão

R

República Centro-Africana República Democrática do Congo República do Congo República do Iraque República Dominicana República Popular Democrática da Coreia Ruanda

S

Samoa (Escritório Multi-País) São Tomé e Príncipe Senegal Serra Leoa Sérvia Síria Somália Sri Lanka Suazilândia Sudão Sudão do Sul Suriname

T

Tailândia Tajiquistão Tanzânia Timor-Leste Togo Trinidad e Tobago Tucormenistão Tunísia Turquia

U

Ucrânia Uganda Uruguai Uzbequistão

V

Venezuela Vietnã

Z

Zâmbia Zimbábue